COMPONENTES DE PRODUÇÃO E PRODUTIVIDADE DA CULTURA DA SOJA SUBMETIDA À INOCULAÇÃO DE BRADYRHIZOBIUM E AZOSPIRILLUM.

Lucas Guilherme Bulegon, Leandro Rampim, Jeferson Klein, Débora Kestring, Vandeir Francisco Guimarães, Andre Gustavo Battistus, Adriano Mitio Inagaki

Abstract


O presente trabalho teve por objetivo avaliar os componentes de produção e produtividade de dois genótipos de soja cultivados em casa de vegetação e submetidos à inoculação com bactérias diazotróficas do gênero Bradyrhizobium e Azospirillum. Adotou-se delineamento em blocos ao acaso com quatro repetições, em esquema fatorial 2×4; no fator 1 foram testados: dois genótipos de soja (BMX Turbo e Coodetec 250) e no fator 2 foram avaliadas quatro combinações de inoculação (sementes não inoculadas mas que receberam 200 kg ha-1 de N na semeadura; sementes inoculado com Bradyrhizobium japonicum; sementes inoculadas com Azospirillum brasilense; sementes com inoculação de B. japonicum e A. brasilense). No estádio R8 foi avaliado as variáveis biométricas: diâmetro de coleto (DC); altura de planta (ALP); número de vagens (NVS); número de grãos por vagem (NGV); massa seca de parte aérea (MPA);massa seca de vagens (MSV); produtividade por planta (PPP); teor de N na parte aérea (TNA) e teor de N nos grãos (TNG). Foi observado resposta diferenciada dos genótipos de soja BMX Turbo e Coodetec 250 à inoculação de sementes com bactérias diazotróficas do gênero B. japonicum ou A. brasilense na altura de plantas e nitrogênio na parte aérea. A inoculação conjunta de B. japonicum e A. brasilense em sementes intensifica o desempenho produtivo da cultura da soja no genótipo BMX Turbo.

Keywords


Glycine max; adubação nitrogenada; bactérias promotoras de crescimento; fixação biológica de nitrogênio

Full Text:

PDF (Español)

Refbacks

  • There are currently no refbacks.